quinta-feira, 15 de abril de 2010

Vacinar: sim ou não?

Por Marina Melo

Às vezes, mais fácil do que escolher um assunto "antenado" é deixar de comentar, informar, debater ou passar despercebido por ele. Atualmente as horas passam voando e quando notamos o dia já acabou. Junto com a corrida do relógio, existe a corrida por atualizar e ser atualizado, que muitas vezes gera a dúvida: "será que é tarde demais para isso?". Mas, quando se trata de saúde, nunca é tarde demais para se “antenar”.

Dia 8 de março começou a primeira etapa da campanha de vacinação da gripe A (H1N1), a famosa gripe suína. Apenas os trabalhadores da área da saúde e indígenas que vivem em aldeias do país puderam ser imunizados, da data início ao dia 19 e março.
A segunda fase foi direcionada às gestantes, crianças (com idades entre 6 meses e 2 anos), e os portadores de doenças crônicas e durou do dia 22 de março e até 2 de abril.
Os jovens de 20 a 29 anos estão tendo a oportunidade de se vacinar desde o dia 5 e poderão fazer isso até 23 de abril.
Entre 24 de abril a 7 de maio, receberão a vacina idosos com 60 anos ou mais portadores de doenças crônicas.
A quinta etapa acontece no período de 10 a 21 de maio, serão imunizados adultos de 30 a 39 anos.
Segundo a Folha Online, 113 milhões de doses foram adquiridas pelo Ministério da Saúde e a meta é imunizar pelo menos 80% desse público-alvo.
Como os demais assuntos polêmicos, esse gerou dúvidas, críticas e diversas opiniões. Alguns dizem que essa proteção é apenas parcial, outros alegam que ela não previne e muitos estão com receio de tomar a vacina e sofrerem graves efeitos.
Mas, o que se pode afirmar é que se trata de uma medida preventiva, por isso, fica a critério de cada um.
Eu optei por me vacinar na segunda-feira e até hoje não tive nenhuma reação anormal.

Para informar e esclarecer dúvidas, além do site (http://portal.saude.gov.br/portal/saude/default.cfm ) o Ministério da Saúde possui o Disque Saúde (0800 611997) .

Foto: Site Dagmar News

2 comentários:

K.L disse...

A Alessandra é mesmo, um arraso em pessoa!!!

Preciso vacinar!!! Acho muito teoria da conspiração essas informações contrárias a vacina. Minha tia trabalha com saúde e tomou o primeiro lote, esta super bem, outras pessoas que conheço tb. O importante é se prevenir!

Beijooos!!

Leni disse...

Preciso me vacina!!!
Estão rolando pr aí muitos boatos sobre esta vacina. Agora conheço ainda nenhum caso de efeito colateral da vacina ou algo do gênero. Ê povo heeein!

Postar um comentário